Thomas Almeida retorna e encara campeão de TUF América Latina

Brasileiro encara mexicano Alejandro Perez e quem não for vencedor pode ter que passar no 'RH'
Thomas Almeida (Credits: MMA Junkie)

Após mais de dois anos e meio sem lutar, Thomas Almeida finalmente vai voltar. O Ultimate agendou o confronto entre ele e o mexicano Alejandro Perez, vencedor do TUF América Latina de 2014, para o dia 10 de outubro, no card que será encabeçado por Marlon Moraes x Cory Sandhagen e que ainda está sem um local definido para sua realização. A informação foi dada em primeira mão pelo site ‘La Afición’.

Thomas Almeida chegou ao Ultimate como um furacão. Tinha acabado de ser campeão do Legacy e estava invicto na carreira, com 16 vitórias em 16 lutas, sendo todas por nocaute ou finalização. Nas 4 primeiras lutas na Organização coneguiu 4 vitórias (3 nocautes) e ganhou 4 bônus de US$ 50 mil (um pela luta da noite e os outros três de performance). Até que se encontrou com Cody Garbrandt.



Contra o americano ‘No Love’, Thominhas foi nocauteado no 1º round e perdeu sua invencibilidade. Na sequência até se recuperou bem. Nocauteou Albert Morales no UFC em São Paulo, ganhou inclusive bônus pór uma das performances da noite, mas em suas últimas apresentações caiu para Jimmie Rivera e Rob Font. Nesta última sofrendo o segundo nocaute na carreira. Tinha um combate a ser feito em 2019, contra Marlon Vera, mas acabou sendo retirado devido a um problema no olho.

DieHardMMA_Podcast (@DieHardMMAPod) | Twitter

Thomas Almeida x Alejandro Perez (Credits: Die Hard MMA)

Agora ele retorna contra uma adversário de jogo enjoado, difícil. Alejandro Perez tem 30 anos e um cartel com 30 lutas, 21 vitórias (9 nocautes, 5 finalizações e 7 por decisão), 8 derrotas (3 nocautes, 3 finalizações e 3 por decisão) e 1 empate. Viveu um bom momento no UFC, chegando a ficar 7 lutas sem derrota no período de 2015 a 2018. No entanto acabou sendo superado em seus últimos dois duelos, ambos em 2019.

No dia da luta, Thomas Almeida estará há mais de 2 anos e meio sem entrar no ‘cage’, enquanto Perez estará há pouco mais de 1 ano e 3 meses sem estar em ação. Veremos qual deles sentirá mais o tempo de inatividade. E você, caro leitor que aprecia artes marciais, o que acha deste confronto? Quem sairá vencedor? Quem vai voltar ao caminho das vitórias e quem vai chegar a 3 derrotas seguidas e com chances até de dar uma passada no ‘RH’? Deixa aí seu comentário.

Texto e edição: Kaio Lima

 

Siga nas redes sociais:

Instagram do Nocaute na Redehttps://www.instagram.com/redenocaute/?hl=pt-br
Instagram de Kaio Limahttps://www.instagram.com/kaiotlima.mma/
Canal no youtubehttps://www.youtube.com/channel/UCJyqMrz4n0oY5rUx3CsvhWg



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

14 + vinte =

RELACIONADO POR