Top dos penas do Bellator afirma: “Ronda Rousey deveria escutar mais a sua mãe”

Um dos maiores nomes da divisão dos penas fora do UFC e apontado como um dos próximos a disputar o cinturão da categoria no Bellator, o armênio Georgi Karakhanyan...
Georgi Karakhanyan (Foto: Sherdog)

Georgi Karakhanyan (Foto: Sherdog)

Um dos maiores nomes da divisão dos penas fora do UFC e apontado como um dos próximos a disputar o cinturão da categoria no Bellator, o armênio Georgi Karakhanyan treinou por muito tempo na academia GFC, liderada por Edmond Tarverdyan e que tem como grande estrela a ex-campeã peso-galo do UFC, Ronda Rousey. A derrota causou muitos questionamentos sobre o método e a efetividade dos treinos de Tarverdyan. E como ex-integrante da equipe, Georgi deixou um conselho para Ronda:

Eu acredito que Ronda faça as suas escolhas por sua própria conta. Ela deveria escutar um pouco mais o que sua mãe diz. Eu acho que o que a mãe de Ronda quer que ela faça, ela deveria fazer.



A mãe de Ronda, AnnMaria De Mars, detonou Edmond em várias entrevistas antes do UFC 193, que foi quando a sua filha perdeu o título. Ela disse que “atropelaria Edmond, se isso fosse permitido pela lei” e que ele é “um péssimo técnico, uma pessoa terrível e desrespeitoso com as mulheres”, além de dizer que Ronda “estaria fazendo um desserviço deixando que Edmond promova a sua academia e a si mesmo através dela”. Ela ainda falou mais sobre o assunto:

Quem ela (Ronda) quiser namorar, ou o que ela quiser fazer é da conta dela. Mas se você está em uma situação que está causando problemas para outras pessoas por ser usado como “isca” para atrair as pessoas para lá, eu acho que alguém precisa falar. Tudo que eu fiz foi dizer publicamente o que as pessoas sussuram há anos, mas ninguém tinha coragem de falar pois Edmond é como um guardião para Ronda. É simplesmente repugnante.

Georgi Karakhanyan não acha que Edmond Tarverdyan deva sofrer tantas críticas ao seu trabalho. Ele não acha que é exclusivamente de Edmond o fato de Ronda ter sido nocauteada, mas reforça a ideia de que ela precisa mudar os seus métodos de treinamento:

Você não pode culpar o técnico todo o tempo. Mas deixe eu te falar uma coisa: Parecer bem treinado batendo manopla? Todo mundo pode fazer isso. Eu posso fazer shadowboxing (sombra) por 10 horas na frente do espelho e é como se fosse uma informação falsa de mim mesmo. Mas quando você é atingido por uma luva de MMA, é algo bem diferente. Isso mostrou, para mim, que Ronda não aguentaria tomar socos com uma luva de MMA. Acho que Holly Holm foi muito inteligente, e Rousey sequer conseguiu a colocar para baixo. Talvez ela precise de mais sparrings usando luvas de MMA do que luvas de boxe.

Georgi nunca foi parceiro de treinos de Ronda, mas mantém um bom contato com, o também armênio, Manny Gamburian, amigo de longa data de Rousey. E ele não tem nada de ruim para falar sobre ex-campeã:

Ela abriu muitas janelas para as mulheres ingressarem no MMA. Ela fez muitas coisas, é injusto que as pessoas a critiquem desta forma. Ela fez muito pelo MMA. Acho que, se ela treinar diferente, será campeã de novo. Mas Holly está em um nível diferente.

Enquanto Ronda Rousey não tem previsão de retorno ao UFC, nem sabe quem será sua próxima adversária, Georgi Karakhanyan retorna ao cage do Bellator na edição 147 do evento, que será realizada na próxima sexta, 04/12/15. Ele enfrentará Daniel Weichel no co-main event da noite.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por: Lucas Costa



Categorias
BellatorLutasMMA InternacionalUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

20 − dois =

RELACIONADO POR