Toquinho vai a julgamento e é punido com 2 anos de suspensão

Por unanimidade, a Comissão Atlética de Nevada decidiu suspender o lutador brasileiro Rousimar “toquinho” Palhares por 2 anos, por conduta anti desportiva em sua última luta, contra Jake Shields....

Por unanimidade, a Comissão Atlética de Nevada decidiu suspender o lutador brasileiro Rousimar “toquinho” Palhares por 2 anos, por conduta anti desportiva em sua última luta, contra Jake Shields.

(Foto: Reprodução/ Bloody Elbow)

(Foto: Reprodução/ Bloody Elbow)

No WSOF 22, realizado em 1º de agosto deste ano, Rousimar defendeu seu cinturão dos meio médios contra o americano e também ex lutador do UFC, Jake Shields. Dentro do ‘cage’, Toquinho venceu Shields com uma finalização, ‘kimura’. No entanto, o brasileiro acabou por segurar demais a finalização, mesmo após a ordem do árbitro. Devido a isso, inicialmente o campeão veio a ser destituído do título e também recebeu uma multa no valor de US$ 40 mil.



Palhares e seu ‘manager’ Alex Davis apareceram diante da Comissão neste quinta feira, 29 de outubro. O lutador manteve sua alegação de inocência, declarou que não podia ver o árbitro Steve Mazzagatti e que também não havia percebido que o lutador e o próprio árbitro estavam batendo para que ele soltasse a ‘kimura’.

O árbitro Steve Mazzagatti e o presidente da Organização, Ray Sefo, apoiaram e consideraram que a conduta do brasileiro fora anti desportiva. O árbitro Big John McCarthy ainda apareceu como “testemunha especialista”.

Essa não é a primeira vez que Palhares se envolvem em algo desse tipo. Confira abaixo:

Em 2010, no UFC 11: St Pierre vs Hardy, ele finalizou o polonês Tomasz Drwal com uma chave de calcanhar, aos 0:45 do 1º round. Posteriormente veio a ser suspenso em 90 dias por demorar demais a soltar a finalização.

Em 2012, fora derrotado por Hector Lombard, por nocaute técnico, no UFCon Fox: Sotiropoulos vs Pearson. Posteriormente veio a ser suspenso por 9 meses por testar positivo no antidoping. 

Assim que voltou da punição por conta do doping, Toquinho já estava de volta ao octógono. Ele enfrentou Mike Pierce, no UFC Fight Night: Maia vs Shields, em São Paulo, e venceu com a “especialidade da casa”, finalização por chave de calcanhar. Mais uma vez, foi entendido que ele demorou demais a soltar a chave e assim o UFC decidiu demití-lo.

Toquinho finalizando Mike Pierce (Foto: Reprodução/ Veja)

Toquinho finalizando Mike Pierce (Foto: Reprodução/ Veja)

Pelo WSOF, tornou-se campeão ao finalizar Steve Carl com uma chave de calcanhar e depois defendeu seu cinturão, finalizando Jon Fitch com uma chave de perna. Em ambas, houve quem considerasse que Toquinho chegou a demorar demais para soltar as finalizações, no entanto nenhuma medida fora tomada, uma vez que a Organização de Ray Sefo não entendeu que assim fosse necessário.

Rousimar Palhares possui 35 anos e um cartel com 23 lutas, 18 vitórias (1 nocaute, 14 finalizações e 3 por decisão) e 5 derrotas (3 nocautes e 2 por decisão). Além do WSOF, já fora campeão também do Grand Prix dos pesos médios do Fury FC. Toquinho é reconhecido mundialmente como um dos mais talentosos finalizadores do MMA, no entanto acabou manchando sua brilhante carreira por conta desses fatos.

 Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Kaio Teixeira Lima



Categorias
LutasMMA Internacional

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

5 × 2 =

RELACIONADO POR