Treinador da Arena Champs, Leandro Sete Bala fala sobre a sua carreira, promessas da equipe, futuro e muito mais

Leandro Sete Bala, treinador e lutador da Arena Champs no Rio de Janeiro, treina uma das maiores feras do MMA nacional atualmente, Ary Santos, campeão do MMA Super Heroes. O...

Leandro Sete Bala, treinador e lutador da Arena Champs no Rio de Janeiro, treina uma das maiores feras do MMA nacional atualmente, Ary Santos, campeão do MMA Super Heroes. O treinador da Arena Champs que possuí parceria como uma das maiores equipe do mundo que é a Nova União é um exemplo de atleta, possuí diversos títulos jiu- jitsu, inclusive o de campeão mundial, e 9 vitórias como profissional no MMA. Em entrevista exclusiva com o “Nocaute na Rede”, Leandro falou sobre a sua equipe, futuro no MMA, e muito mais.

(Foto: Flash Sport)

Leandro Sete Bala de camisa verde (Foto: Flash Sport)

Como concilia o trabalho como treinador e lutador na Arena Champs?



“Para mim é muito fácil porque amo o que faço, e na verdade sou treinador por mais tempo. Hoje tento me dedicar mesmo nessa jornada, quando fecho com algum evento para eu lutar é que começo a fazer um camp para mim. A galera toda me ajuda e tenho atletas experientes graduados em Muay thai, Bjj e esses mesmo começam a cobrar de mim como atleta e selecionam meus sparrings. Enfim somos uma família e todos me ajudam, respeito cada opinião deles, cada decisão, sei dividir bem as coisas e faço o que eles determinarem que eu faça.”

Quando deve retornar ao cage? Quais os seus principais objetivos agora em 2015?

“Estarei retornando em março, lutarei um evento fora do Brasil ,a data ainda não foi confirmada, mas já deixaram certo de ser no fim de março. Já comecei a fazer meu camp junto com um atleta meu que também lutará no mesmo evento. A Amanda Torres também lutará em março então os treinos dela começa antes do meu, para eu estar orientando ela e acertando os detalhes porque essa luta será muito importante para ela. Quanto aos meus projetos é retornar em grande estilo ao MMA, buscar mais um título Mundial no BJJ e colocar um atleta meu no UFC.”

Nos fale sobre o Ary Santos, sua relação com ele. Acredita que ele deve ir para o UFC em breve?

“O Ary Santos é como um filho e nossa relação é super saudável, somos grandes amigos e nos respeitamos muito é um cara que confia em mim e tudo que falo ele faz. Somos amigos dentro e fora do tatame, sou responsável por suas atitudes, seu estilo de vida ,puxo a orelha dele quando tenho que puxar, a família dele toda tem um respeito muito grande por mim porque sabe que faço tudo para o bem dele. Uma vez o irmão dele falou que o Ary nunca respeitou ninguém no mundo como me respeita e isso é importante na formação dele como atleta, enfim nossa relação é muito maior de que treinador e atleta, somos fechamento de verdade! Quanto ao Ary chegar no UFC, ficaria muito frustado se ele não fechar ainda em 2015 com a organização, o cara é merecedor e tá muito focado para isso, podem esperar que o Ary Santos vai estar representando nosso país na maior organização de MMA do mundo!em breve.”

(Foto: Vi no Coruja)

Sete Bala acompanhando o Ary Santos em sua última luta (Foto: Vi no Coruja)

Jiu-jitsu ou MMA, o que prefere lutar?

“Eu cresci lutando BJJ, e sou muito apaixonado por essa arte marcial, tive vários títulos ao longo desses anos como campeão brasileiro, estadual, Pan-Americano, Sul-americano, campeão Mundial com e sem Kimono, entre outros. No Mma sou detentor de 2 cinturões na categoria pena (66kg), mas meu cartel deixa um pouco a desejar 9V – 7D e isso mexe comigo. Quero melhorar isso, sou muito competitivo e determinado, e hoje meu foco maior é melhorar esse cartel, não pelos outros e tentar provar nada para ninguém, isso é importante para mim. Quero fazer por mim mesmo, não sei se me entende, (risos). Amo lutar, amo competir e para mim se for BJJ ou MMA vou lutar com amor!”

Quais as maiores lições que tirou na sua carreira. O que lutar representa pra você? E que dica dá para os lutadores que estão começando no MMA?

“Uma coisa que carrego comigo é que aluno é como filho, você vai ensinar tudo que sabe, vai educar, disciplinar, dar todo carinho e quando ele achar que tem que tomar novos rumos você tem que ser o primeiro a apoiar. A gente não cria filhos para o mundo? Porque não podemos fazer isso com nossos alunos? Gosto de formar atletas,mas o que amo é formar pessoas melhores, meu maior orgulho não foi formar o atleta Ary Santos como muitos devem achar, o meu maior orgulho na verdade foi formar o homem que o Ary Santos é hoje, a história é longa (risos).

Mas essa é minha missão, formar pessoas melhores. A vida é curta e cada um tem que saber o melhor caminho a seguir, se for ao meu lado ótimo, se não for vou tentar guiá-lo ao melhor caminho. Minhas palavras!!! Resumindo em com poucas palavras a luta representa para mim: AMOR – DISCIPLINA -RESPEITO – FORÇA – HONRA. A minha dica é que treinem com vontade, acreditem sempre que vocês podem chegar onde querem, mas é importante está cercado de profissionais capacitados, e que pesquise bem antes de jogar sua carreira nas mãos de qualquer empresário, porque hoje isso é muito importante, se não souberem trabalhar sua carreira podem ofuscar seu talento.”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes



Categorias
LutasMMA Nacional

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

14 − um =

RELACIONADO POR