UFC 194: Conor McGregor nocauteia José Aldo em 13 segundos; Luke Rockhold destrona Chris Weidman nos médios

A noite mais esperada pelos fãs de MMA do mundo inteiro teve um final rápido e inacreditável. Além de uma sangrenta luta pelo título, um duelo equilibrado que valeu...
Conor McGregor é o novo campeão peso-pena (Foto: MMAFighting)

Conor McGregor é o novo campeão peso-pena (Foto: MMAFighting)

A noite mais esperada pelos fãs de MMA do mundo inteiro teve um final rápido e inacreditável. Além de uma sangrenta luta pelo título, um duelo equilibrado que valeu o posto de desafiante dos médios e muita, muita emoção! Confira o que aconteceu de melhor no UFC 194, que aconteceu no MGM Grand, em Las Vegas!

Evento principal: (C) José Aldo x (IC) Conor McGregor

Conor McGregor precisou de um soco para nocautear José Aldo (Foto: FoxSports)

Conor McGregor precisou de um soco para nocautear José Aldo (Foto: FoxSports)

Difícil de explicar algo que não durou quase nada. O clima no MGM Grand era intenso e totalmente favorável ao irlandês Conor McGregor, que entrou ovacionado para o Octógono. Logo após veio José Aldo, com sua serenidade habitual antes do combate. A luta começou e logo terminou. Conor McGregor precisou de apenas um soco. 13 segundos. Apenas isso foi necessário para que ele terminasse com o reinado de Aldo e lhe entregasse a primeira derrota em 10 anos. Aldo tentou acertar um cruzado e deixou a guarda exposta, Conor recuou e jogou um cruzado de esquerda que pegou no queixo de Aldo o derrubando e o deixando inconsciente. Conor McGregor provou que tudo o que ele diz, ele cumpre. 7 lutas no UFC, 6 nocautes e o título, agora definitivo, dos penas. A revanche seria o caminho, já que praticamente não houve luta e Aldo dominou a categoria desde que ela foi criada até a noite passada. Mas o UFC já declarou que o próximo adversário de McGregor será ou Frankie Edgar, ou uma super-luta (possivelmente com o vencedor de Rafael dos Anjos e Donald Cerrone, que disputam o cinturão dos leves na semana que vem). O fato é que, com a vitória, McGregor bateu o recorde de vitória mais rápida em lutas pelo título – recorde que era de Ronda Rousey, quando finalizou Cat Zingano em 14 segundos, e o irlandês superou por um segundo. McGregor ganhou um dos bônus de performance da noite.



Co-evento principal: (C) Chris Weidman x #1 Luke Rockhold

Luke Rockhold foi coroado o novo campeão dos médios, depois de bater Chris Weidman (Foto: MMAFighting)

Luke Rockhold foi coroado o novo campeão dos médios, depois de bater Chris Weidman (Foto: MMAFighting)

Uma luta recheada de emoções. Assim foi o duelo entre Chris Weidman e Luke Rockhold. No primeiro round, Weidman foi um pouco melhor. No segundo, Rockhold foi um pouco melhor. No terceiro, Weidman estava dominando as ações, aplicando bons golpes na linha da cintura de seu adversário. E então ele foi tentar um golpe rodado e caiu em uma posição propícia para que Rockhold o derrubasse. O atleta da AKA aplicou um ground and pound brutal, que desgatou e avariou muito o faixa preta de Renzo Gracie, Weidman. Luke quase conseguiu o TKO ainda no terceiro, mas Chris foi salvo pelo gongo. No quarto round, Rockhold dominou, derrubou e terminou o trabalho do round anterior. Agora a divisão tem um novo campeão. Se Chris Weidman tinha chocado o mundo ao derrotar Anderson Silva por duas vezes, Luke Rockhold surpreendeu a todos ao vencer o, até então invicto, Weidman, de maneira inapelável. Ele conseguiu algo que, até aquele momento, somente Ronda Rousey havia conseguido: Ser campeão do Strikeforce e do UFC – Daniel Cormier foi apenas campeão do GP, não da divisão. Já para Weidman é um choque de realidade e, agora, ele volta para a fila e vai ter que esperar para ter um novo title shot. A luta entre Rockhold e Weidman ganhou o bônus de melhor da noite.

Jacaré é derrotado por Romero em luta polêmica

Romero (calção branco) derrotou Jacaré em resultado contestado. (Foto: MMAFighting)

Romero (calção branco) derrotou Jacaré em resultado contestado. (Foto: MMAFighting)

Ronaldo Jacaré estava pertíssimo de uma chance de disputar o título dos médios, mas tinha um grande (literalmente) desafio pela frente: O cubano Yoel Romero. O combate começou com muito estudo, até que no meio do primeiro round, Romero acertou um violentíssimo soco rodado em Jacaré. O brasileiro tentou puxar o adversário para a sua guarda, mas foi brutalmente golpeado no chão. No segundo round que surgiu a polêmica: Enquanto Jacaré fazia força para derrubar, o cubano se segurava na grade – o que é ilegal – e fez isso por muito tempo. O juiz poderia ter descontado pontos de Romero, mas não o fez. Esse foi o round mais equilibrado, e foi o fiel da balança. No terceiro round, vitória clara do brasileiro, que conseguiu se achar no jogo em pé e aplicou bons golpes no lutador da ATT. No fim das contas, os juízes deram vitória por decisão dividida para Romero, que deve ser o primeiro desafiante de Luke Rockhold na luta pelo cinturão dos médios. Já para Jacaré, é um passo para trás. Ele volta a ficar distante de um title shot.

Demian Maia dá show de jiu-jitsu

Demian Maia (Foto: MMAFighting)

Demian Maia (Foto: MMAFighting)

O bi-campeão mundial de jiu-jitsu Demian Maia deu um show de luta agarrada. Seu BJJ foi executado com perfeição e ele dominou, nos três rounds, o islandês Gunnar Nelson, que também é faixa preta na arte suave. Demian dominou, tentou finalizar várias vezes e bateu muito em “Gunni” durante os três rounds e conseguiu sair com a vitória com ampla vantagem. É a quarta vitória consecutiva de Demian, que pediu um duelo contra o vencedor de Robbie Lawler e Carlos Condit, que disputam o cinturão dos meio médios no dia 2 de janeiro.

Outros destaques do card

Léo Santos (calção preto) nocauteou Kevin Lee e levou bônus pra casa. (Foto: MMAFighting)

Léo Santos (calção preto) nocauteou Kevin Lee e levou bônus pra casa. (Foto: MMAFighting)

Além de Aldo, Demian e Jacaré, mais três brasileios lutaram nesta noite. O que mais impressionou foi Léo Santos. O vencedor do TUF Brasil 2 simplesmente nocauteou o perigoso Kevin Lee. Léo sempre foi conhecido pelo seu jiu-jitsu afiado e mostrou uma grande evolução em sua trocação. Ele ganhou um dos bônus da noite. Warlley Alves foi outro que consegiu uma grande vitória. Ele tirou a invencibilidade de Colby Covington com uma guilhotina justa ainda no primeiro round. Márcio Lyoto não teve a mesma sorte de Léo e Warlley e foi derrotado por decisão unânime pelo americano Court McGee. Nas outras lutas, destaque para o sensacional combate entre Urijah Faber e Frankie Saenz, luta que fechou o card preliminar. Faber pressionou bastante e conseguiu a vitória por decisão unânime.

CONFIRA OS RESULTADOS DO UFC 194:

UFC 194
12 de Dezembro, em Las Vegas, EUA

CARD PRINCIPAL:
Cinturão peso-pena: (IC) Conor McGregor derrotou (C) José Aldo por nocaute no round 1;
Cinturão peso-médio: #1 Luke Rockhold derrotou (C) Chris Weidman por TKO no round 4;
Peso-médio: #3 Yoel Romero derrotou #2 Ronaldo Jacaré por decisão dividida;
Peso meio-médio: #6 Demian Maia derrotou #12 Gunnar Nelson por decisão unânime;
Peso-pena: #5 Max Holloway derrotou #8 Jeremy Stephens por decisão unânime;

CARD PRELIMINAR:
Peso-galo: #4 Urijah Faber derrotou #13 Frankie Saenz por decisão unânime;
Peso-palha feminino: #5 Tecia Torres derrotou Jocelyn Jones-Lybarger por decisão unânime
Peso meio-médio: Warlley Alves derrotou Colby Covington por finalização (guilhotina) no round 1;
Peso-leve: Léo Santos derrotou Kevin Lee por nocaute no round 1;
Peso-leve: Magomed Mustafaev derrotou Joe Proctor por TKO no round 1;
Peso-leve: Yancy Medeiros derrotou John Makdessi por decisão dividida;
Peso meio-médio: Court McGee derrotou Márcio Lyoto por decisão unânime.

BÔNUS DA NOITE:
LUTA DA NOITE: Chris Weidman x Luke Rockhold
PERFORMANCES DA NOITE: Conor McGregor e Léo Santos

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek
Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH
Escrito por: Lucas Costa


Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

4 + um =

RELACIONADO POR