UFC 242: Khabib vs Poirier – Resumo, resultados e bônus

Neste último sábado, 7, aconteceu o UFC 242, marcando o retorno das atividades da Organização na cidade de Abu Dhabi, capital do Emirados Árabes. Na luta principal, o russo...
Khabib Nurmagomedov permanece como campeão peso-leve (Foto: Per Haljestam/ USA Today Sports)

Neste último sábado, 7, aconteceu o UFC 242, marcando o retorno das atividades da Organização na cidade de Abu Dhabi, capital do Emirados Árabes. Na luta principal, o russo Khabib Nurmagomedov colocou seu cinturão em jogo pela segunda vez, dessa vez contra o americano Dustin Poirier. No ‘co-main event’, o brasileiro Edson Barboza enfrentou o americano Paul Felder. Outros dois brasileiros também estiveram presentes no evento, ambos contra oponentes russos. Davi Ramos enfrentou Islam Mackachev e Carlos Diego Ferreira encarou Mairbek Taisumov.

Khabib apertou o pescoço de Poirier no mata-leão (Foto: Per Haljestam/ USA Today Sports) – UFC 242

Na luta principal, os russos, presentes em peso na arena, foram à loucura com Khabib Nurmagomedov, campeão da divisão peso-leve, enfrentando Dustin Poirier. Desde o primeiro round, ‘the eagle’ mostrou que não estava muito disposto a perder o título no “quintal de casa”. O jogo e intenso de grappling foi aplicado desde cedo. Dustin até assustou, fazendo o adversário sentir um golpe num momento de trocação e depois por muito pouco não conseguindo encaixar uma guilhotina. No 3º round, com o desafiante já cansado, Nurmagomedov pressionou e conseguiu a finalização aos 2:06. O atleta da AKA chegou à 28 vitórias em 28 lutas. ‘The diamond’, depois que subiu para peso-leve, conheceu sua 2ª derrota em 12 lutas.



Poirier acertou boas cotoveladas em Edson (Foto: Per Haljestam/ USA Today Sports) – UFC 242

Na co-principal, pela categoria dos leves, Edson Barboza esteve frente a frente com Paul Felder pela segunda vez. A luta foi boa, com Barboza caprichando nos chutes, principalmente nas pernas e nas costelas enquanto Felder conseguiu aplicar boas cotoveladas, ainda mais quando foi derrubado. Mesmo de costas no solo, foi mais efetivo nos golpes do que o rival brasileiro. O combate foi duro e muito equilibrado. A prova disso foi o resultado de vitória por decisão dividida para o americano (30-27/ 27-30/29-28), que devolveu a derrota sofrida no primeiro embate. ‘The Irish Dragon’ alcançou a 8ª vitória nas últimas 10 lutas. Edson vive o pior momento da carreira, com apenas uma vitória nas últimas 5 lutas.

Mackachev fez uma luta segura e com boa precisão de golpes (Foto: Per Haljestam/ USA Today Sports) – UFC 242

Na antepenúltima luta do evento, Davi Ramos entrou em ação contra Islam Mackachev pelos leves. O brasileiro caminhou pra frente e desferiu os golpes primeiro, mas o russo é um contragolpeador da melhor qualidade e acertou bons socos. Mackachev também controlava a distância de forma que lhe favorecia. O único momento de perigo que passou foi quando Davi conseguiu acertar um soco em seu queixo, suficiente para lhe fazer dar uma dobrada nos joelhos. No fim, vitória de Islam por decisão unânime (29-27/30-26/30-26). O atleta da Team Nogueira não perdia um combate desde a estreia no Ultimate e tinha 4 vitórias seguidas. O vencedor do duelo chegou à 6ª vitória consecutiva, número menor somente que o do campeão, Khabib, e de Tony Ferguson, ambos com 12.

O nariz de Taisumov foi castigado pelas mãos de Diego Ferreira (Foto: Per Haljestam/ USA Today Sports) – UFC 242

O primeiro brasileiro a entrar no ‘cage’ foi Carlos Diego Ferreira, que enfrentou o russo Mairbek Taisumov pela divisão peso-leve. O europeu era favorito e até começou mostrando o motivo, acertando bons contragolpes. Mas no segundo round, o brasileiro voltou com o ímpeto alto, caminhou pra frente o tempo inteiro, encurralou e controlou as ações do combate, não dando oportunidades para o oponente. No fim, a vitória incontestável de Diego por decisão unânime (29-28/29-27/29-27).

RESULTADOS COMPLETOS

Card Principal

Leves: Khabib Nurmagomedov finalizou Dustin Poirier aos 2:06 do 1º round;
Leves: Paul Felder venceu Edson Barboza por decisão dividida (30-27/27-30/29-28);
Leves: Islam Mackachev venceu Davi Ramos por decisão unânime (39-27/30-26/30-26);
Pesados: Curtis Blaydes nocauteou Shamil Abdurakhimov aos 2:22 do 2º round;
Leves: Carlos Diego Ferreira venceu Mairbek Taisumov por decisão unânime (29-28/29-27/29-27);

Card Preliminar

MoscasFemininos: Joanne Calderwood venceu Andrea Lee por decisão dividida (30-27/28-29/29-28);
Penas: Zubaira Tukhugov empatou com Lerone Murphy (29-28/28-28/28-29);
Peso-Casado: Sarah Moras nocauteou Liana Jojua aos 2:26 do 3º round;
Leves: Ottman Azaitar nocauteou Teemu Packalen aos 3:33 do 1º round;
Meio-Médios: Belal Muhammad finalizou Takashi Sato aos 1:55 do 3º round;
Meio-Médios: Muslim Salikhov nocauteou Nordine Taleb aos 4:26 do 1º round;
Médios: Omari Akhmedov venceu Zak Cummings por decisão unânime (30-27/30-27/29-28);
Leves: Don Madge venceu Fares Ziam por decisão unânime (30-27/30-27/29-28)

BÔNUS

Luta da Noite – Não houve premiação;

Bônus da Noite – Khabib Nurmagomedov, Ottman Azaitar, Belal Muhammad e Muslim Salikhov ganharam, cada um, US$ 50 mil.

 

Texto, redação e revisão: Kaio Lima



Categorias
Kaio LimaLutasMMAMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

14 + dois =

RELACIONADO POR