UFC 265: Cinco motivos para não perder o grande evento deste sábado

Hoje tem UFC 265 diretamente de Houston, Texas. Apesar do card não contar com a presença da brasileira Amanda Nunes, que mais uma vez colocaria seu cinturão peso-galo em...
ufc 265
Encarada para José Aldo x Pedro Munhoz no UFC 265 (Créditos: MMA Junkie)

Hoje tem UFC 265 diretamente de Houston, Texas. Apesar do card não contar com a presença da brasileira Amanda Nunes, que mais uma vez colocaria seu cinturão peso-galo em jogo, ainda assim há lutadores de muito destaques e grandes confrontos. O Nocaute na Rede apresenta cinco motivos para você não perder esse grande evento.

1 – Na luta principal tem duelo de pesos pesados. O jovem e técnico Ciryl Gane enfrenta ‘The Black Beast’ Derrick Lewis, o homem que já intimidou – e venceu – até o mesmo atual campeão da divisão, Francis Ngannou. O combate vale o cinturão interino dos 120kg e o tittle shot garantido para enfrentar o dono do cinturão linear.



Pesagem do UFC 265: Derrick Lewis e Ciryl Gané são apartados durante  encarada | combate | ge

Lewis x Gane na pesagem do UFC 265 (Créditos: Getty Images)

2 – No co-main event tem o confronto entre dois brasileiros pela categoria peso-galo. Estamos falando de José Aldo x Pedro Munhoz, respectivamente o #5 e o #9 da categoria. Os dois vinham de duas derrotas consecutivas nos 61kg até que, em suas últimas apresentações, triunfaram por decisão unânime. Duelo bom de dois excelentes strikers.

3 – O mais empolgante peso-médio da atualidade, Vicente Luque, dono de 13 vitórias em 15 lutas disputadas dentro do UFC desde 2015, sendo apenas 1 delas por decisão, enfrenta o perigoso grappler Michael Chiesa, que vive sua melhor fase na organização, tendo 4 vitórias consecutivas e sendo as duas últimas dominando atletas de alto nível como Rafael dos Anjos e Neil Magny.

Pelo cinturão: brasiliense Vicente Luque tem luta dura no UFC 265

Chiesa x Luque na encarada do UFC 265 (Créditos: Reprodução/ Metrópoles)

4 – Ainda no card principal, o nocauteador chinês Song Yadong enfrenta o eficiente americano Casey Kenney pelo peso-galo. Yadong estreou no UFC em 2018 e tinha 6 vitórias em 6 lutas, até que foi parado por Kyler Phillips via decisão unânime. Já Kenney, inciou no Ultimate em 2019 e tinha 5 vitórias em 6 lutas. Eram 3 vitórias consecutivas até ser superado pelo ex-campeão Dominick Cruz por decisão dividida.

UFC 265: Casey Kenney VS Song Yadong Update! - The Overtimer

Yadong x Kenney na encarada do UFC 265 (Créditos: Reprodução/ The Overtimer)

5 – Dois atletas representantes do Brasil estarão no card preliminar: Melissa Gatto e Anderson Berinja. Ela, que é dona de um cartel com 6 vitórias e 2 empates em 8 lutas disputadas, fará a estreia pelo UFC contra a americana Victoria Leonardo, que vem de derrota por nocaute na estreia pela organização. Logo depois entra Berinja, que após duas derrotas em duas lutas, finalmente espantou a má fase e venceu no UFC em sua última apresentação. Ele enfrenta Miles Johns, que tem 11 vitórias em 12 lutas na carreira e a última, já no Ultimate, foi por nocaute.

O evento terá transmissão ao vivo pelo canal Combate a partir das 19:15 (horário de Brasília).

Acompanhe as principais notícias do MMA por meio dos perfis oficiais do Nocaute na Rede: FacebookInstagram YouTube.



Categorias
LutasMMA InternacionalUFC

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede, sonha em seguir carreira na área esportiva; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral (principalmente MMA, futebol e basquete); Praticante de MMA e muay thai;
Sem Comentários

Responder

*

*

1 × um =

RELACIONADO POR