UFC oficializa confronto entre Aldo x Holloway para o UFC 212, no Rio de Janeiro

Luta que vale a reunificação do título da categoria peso pena do UFC
José Aldo x Holloway (Foto: Poster Oficial)

O UFC oficializou a luta que vale a reunificação de título dos penas entre o campeão linear, José Aldo, contra o campeão interino, Max Holloway. O confronto está marcado para acontecer no UFC 212, dia 03 de junho, no Rio de Janeiro.

Após várias negociações para lutar na categoria de cima (Peso Leve), o brasileiro, José Aldo, voltará suas atenções para a categoria pelo qual é campeão, onde busca defender o título linear da divisão dos penas. Já Max Holloway, campeão interino, busca consagrar sua carreira em se tornar campeão único em uma categoria que foi completamente dominada pelo brasileiro por vários anos.



Com um cartel de 28 lutas, sendo 26 vitórias e apenas 2 derrotas, José Aldo é um dos maiores lutadores peso pena do UFC e do mundo. Sendo o maior campeão da divisão até 65,8 Kg, com 6 defesas de títulos bem sucedida, Aldo veio a sofrer seu primeiro e grande revés no UFC, quando perdeu seu cinturão para o irlandês Conor McGregor. Teve direito a lutar pelo cinturão, na época interino, contra Frank Edgar, onde o derrotou na decisão unânime dos juízes. Com a subida do irlandês para o peso leve, Aldo se tornou novamente campeão linear dos penas.

Já para o lutador havaiano de 25 anos, Max Holloway é um dos maiores talentos da divisão até 65,8 Kg. Com um cartel de 17 vitórias e 3 derrotas, Holloway se tornou campeão interino dos penas ao vencer por nocaute técnico no terceiro round o ex-campeão dos leves, Anthony “Showtime” Pettis. Invicto há 10 lutas, sua última derrota foi também para o irlandês Conor McGregor, e de lá pra cá tem tido grandes vitórias na divisão.

 

UFC 212

03 de junho, Rio de Janeiro – Brasil

Lutas até o momento:

Peso Pena: José Aldo (c) x Max Holloway (c) – Disputa que vale a reunificação do título dos penas (até 65,8 Kg)



Categorias
LutasUFC
Um Comentário
  • Virtual Private Server
    10 setembro 2017 at 10:38
    Responder

    O confronto feminino nao deve garantir a vencedora revanche contra Joanna, mas aproximara Claudia ou Karolina do objetivo. A experiencia da brasileira no MMA pode ser relevante para definir o desafio a seu favor, alem de contar com o apoio da torcida que a conhece desde o inicio da carreira.

  • Responder

    *

    *

    sete − 6 =

    RELACIONADO POR