XFCi 9 terá luta por título entre Allan Puro Osso e Bruno Macaco

O XFC reserva um grande card para o ‘toque de luvas’ da temporada internacional de 2015. No XFCi 9, dia 14 de março, Allan “Puro Osso” Nascimento enfrenta o...

O XFC reserva um grande card para o ‘toque de luvas’ da temporada internacional de 2015. No XFCi 9, dia 14 de março, Allan “Puro Osso” Nascimento enfrenta o compatriota Bruno “Macaco” Azevedo pela disputa do primeiro cinturão mundial da categoria peso-mosca (até 56,7kg).

XFC 9 (2)

(Poster: XFC)

 



O evento, que terá como palco o ginásio do São Paulo Futebol Clube, também reserva a grande final da segunda temporada do torneio peso-mosca feminino (56,7kg), entre Poliana Botelho (3v 1d) e Silvaneide Marretinha (4v 1d). Na mesma divisão de peso, a renomada Julie Werner (8v 4d) enfrenta a russa recém-contratada Julia Berezikova (7v 4d), e o campeão da primeira temporada do GP peso-meio-médio (até 77,1kg), Will Galvão (4v 1d), mede forças contra o russo Alexei Kunchenko, invicto na carreira (8v 0d). Os quatro duelos terão transmissão ao vivo pela RedeTV!.

Allan Puro Osso (14v 2d) se credenciou a disputar o cinturão com performances implacáveis e três lutas emocionantes no hexágono. Em sua estreia, no XFCi 3, em março de 2014, finalizou o chileno Matias Vasquez com uma chave-de-braço aos 4min20seg do terceiro round. Quatro meses depois, submeteu André Lourenço aos três tapinhas após 3min03seg do primeiro assalto, com um triângulo de mão em pé. O ucraniano Ruslan Abiltarov foi o primeiro a disputar todos os três rounds contra o atleta da Chute Boxe Diego Lima, que saiu vitorioso na decisão unânime dos juízes, no XFCi 7, em novembro, também no ginásio do São Paulo Futebol Clube.

O brasiliense Bruno “Macaco” Azevedo estreia pelo XFC com expressivo cartel de 12 vitórias, apenas duas derrotas, e experiência em eventos nacionais de renome, como o Shooto Brasil. Especialista na luta de chão, já finalizou nove oponentes, nocauteou dois e não vai à decisão dos juízes desde 2010. Em 2014, lutou cinco vezes, levou um adversário à lona e finalizou outros três, sofrendo uma derrota, em maio. Azevedo representa a academia Nova União, do Rio de Janeiro, e terá dois companheiros lutando no mesmo card.

Amigas, amigas, negócios à parte

Na final da segunda temporada do torneio peso-mosca feminino, um duelo incomum. Poliana Botelho, da Nova União, enfrenta a jovem de 21 anos Antônia Silvaneide, da academia parceira Kimura Nova União, de Natal, no Rio Grande do Norte. Poliana, de 26 anos, estreou no GP nocauteando a mexicana Karina Rodriguez nas quartas-de-final e avançou à final por W.O. quando Taila Santos não bateu o peso da categoria. Já Marretinha lutou seis rounds em duas lutas, vencendo a finlandesa Vuokko Katainen por decisão majoritária dos juízes e a brasileira Debora Ferreira nas semifinais, por decisão unânime.

Campeões voltam ao hexágono

O XFCi 9 marca o retorno ao hexágono de três campeões da primeira temporada de torneios e também a disputa de vagas para as finais de mais três GPs. Além do peso-meio-médio Will Galvão, também estarão em ação nas superlutas os medalhistas de ouro Natan Schulte (9v 2d) e Alberto Uda (7v 0d), que enfrentam os russos Igor Egorov (9v 2d) e o bielorrusso Boris Miroshnichenko (13v 6d), pelas categorias peso-leve (até 70,3kg) e médio (até 84kg), respectivamente.

Enquanto os três iniciam suas jornadas em busca do cinturão mundial do XFC, novos talentos buscam classificação para as finais da segunda temporada. Pelo peso-palha feminino (até 52,2kg), as invictas Viviane “Sucuri” Pereira (6v 0d) e Liana Pirosin (3v 0d) medem forças para representar o Brasil numa decisão internacional, que terá do outro lado do hexágono a vencedora do duelo entre a ucraniana Maryna Moroz (5v 0d) e a húngara Dora Perjes (7v 0d).

Pelos homens, duas semifinais de duas categorias diferentes. No peso-galo (até 61,2kg), o norte-americano James Gray (3v 0d) enfrenta o mexicano Edgar Cabello (4v 0d) na abertura do evento; já o representante brasileiro sai do embate entre Daniel Virgínio (3v 0d) e Julio “Xaropinho” (6v 3d1 NC) Rodrigues, que foi escolhido para substituir Alejandro Abomohor, afastado por quebra de contrato. Já entre os meio-médios, domínio tupiniquim: Cairo Rocha (12v 4d 1NC) contra Michel Pereira “Demolidor” (11v 4d) e Carlston Lindsay Harris (6v 2d) contra Paulo Cesar dos Santos (2v 1d) buscam suas vagas na final.

O presidente do XFC, Myron Molotky, espera grandes combates para abrir o calendário do evento no ano. “Trabalhamos com bastante estratégia para realizar esse primeiro evento, que será seguido por mais uma série de grandes shows. O XFC vai realizar até dez eventos no Brasil este ano e já no ‘toque de luvas’ inicial vamos dar aos fãs uma disputa de cinturão incrível. Os fãs terão adrenalina do início ao fim, porque o XFCi 9 será um evento somente com lutas decisivas e muita entrega dentro do hexágono”, projeta Molotky.

Recentemente, o XFC anunciou seus planos de expansão mundial a ser iniciada em 2015. Estão em pauta eventos na cidade de Belo Horizonte (MG), onde foi realizado em janeiro um treino aberto para observação de talentos, e em outras cidades do Brasil e países da América Latina, como México, Argentina e Costa Rica. Também serão sediados de dois a quatro eventos nos Estados Unidos e até dois na Europa.

XFC International 9

Data: Sábado, dia 14 de março de 2015
Local: Ginásio do São Paulo Futebol Clube
Endereço: Rua Dr. Erasmo Teixeira de Assunção, Portão 13 – Morumbi, São Paulo
Horário: 21h (de Brasília)
Transmissão: Ao Vivo na RedeTV! a partir de 0h30 de sábado para domingo

Card Principal
Ao vivo na RedeTV! a partir de 00h30 (sábado para domingo)
Até 56,7kg: Bruno “Macaco” Souza x Allan Nascimento – Disputa do cinturão mundial
Até 56,7kg: Antonia Silvaneide “Marretinha” x Poliana Botelho – Final do torneio
Até 77,1kg: Alexei Kunchenko (RUS) x Will Galvão – Superluta
Até 56,7kg: Julia Berezikova (RUS) x Julie Werner – Superluta

Card Preliminar
Transmissão na semana seguinte
Até 70,3kg: Igor Egorov (RUS) x Natan Schulte – Superluta
Até 84kg: Boris Miroshnichenko (BRS) x Alberto Uda – Superluta
Até 52,2kg: Viviane Pereira x Liana Pirosin – Torneio peso-palha feminino
Até 61,2kg: Daniel Virginio da Silva x Júlio Rodrigues – Torneio peso-galo masculino
Até 77,1kg: Cairo Rocha x Michel Pereira – Torneio peso meio-médio masculino
Até 77,1kg: Carlston Lindsay Harris (GUI) x Paulo Cesar dos Santos – Torneio peso meio-médio masculino
Até 52,2kg: Maryna Moroz (UCR) x Dora Perjes (HUN) – Torneio peso-palha feminino
Até 61,2kg: James Gray (EUA) x Edgar Cabello (MEX) – Torneio peso-galo masculino

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: https://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: https://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes



IBlackbelt
Categorias
LutasMMA InternacionalXFC

Criado em 14 de agosto de 2013, o Nocaute na Rede tem como principal objetivo FORTALECER o crescimento do esporte pelo Brasil e mundo a fora, é por isso que desde o início divulgamos os pequenos eventos e atletas que estão começando no cenário nacional.
Sem Comentários

Responder

*

*

quatro × 3 =

RELACIONADO POR