Adriano Balby vai em busca de cinturão numa das grandes organizações de MMA da Ásia

Adriano Balby vai em busca de cinturão numa das grandes organizações de MMA da Ásia

Lutador brasileiro busca primeiro cinturão da história dos médios da Organização.
(Foto: Reprodução)

Enquanto muito se fala sobre uma suposta má fase do MMA brasileiro devido aos resultados mais recentes pelo UFC, existe representante do nosso país fazendo história pelo mundo afora. No dia 11 de agosto, Adriano Balby vai atrás do  cinturão pelo Rebel FC, organização de MMA chinesa que vem numa boa crescente e se tornando cada vez mais importante no continente asiático. O lutador vai enfrentar o chinês “The Fire Kyllin” Wang Sai, diretamente de Beijing, China, para decidir quem se torna o primeiro campeão da divisão dos médios. Evento também é marcado por ter o brasileiro Antônio “Bigfoot” Silva, o Pezão, que já disputou cinturão do UFC.

Balby tem 38 anos e no Brasil já esteve em ação por algumas das maiores Organizações, conquistando inclusive cinturão. Desde 2017 está em ação pelo Rebel, onde até o momento fez três lutas e venceu todas – destaque para a última sobre um dos grandes representantes do MMA japonês, Akihiro Gono, lutador que está no MMA desde 1994, tem quase 70 lutas na carreira, já brilhou em eventos como Pride, UFC, Bellator e enfrentou lutadores do naipe de Dan Henderson, Jon Fitch, Hector Lombard, Gegard Mousasi, Maurício Shogun, Murilo Rua, Chael Sonnen e muito mais.

Em entrevista EXCLUSIVA ao Nocaute na Rede, Adriano falou rapidamente sobre seu adversário e preparação para o duelo.

“O meu oponente não tem a mão tão dura, mas combina muito bem os golpes. O mais importante é que  estou treinando forte em Manaus mesmo. Pela manhã faço a preparação física. A tarde tenho treino de MMA na OfMMA e a noite tem jiu jitsu na Balby Team. Acredito ter também um bom gás. Já tenho uma boa estratégia montada para que meu jogo saia certinho e se sobressaia ao dele”, comentou Balby,

Brasileiro falou ainda que espera um combate bem duro, mas acredita que pode sair vencedor até mesmo com um nocaute.

“Vai ser uma luta muito dura. Eu gosto muito de trocar porrada e ele também. Já lutei de 120, 110, 93, 84 e 77 quilos. Estou acostumado com mão pesada. Eu tenho a mão pesada e ele não. Acredito que possa inclusive nocautear”, concluiu.

Lutadores que estarão presentes nessa edição do Rebel FC (Foto: Reprodução)

Adriano “The Rocky” Balby tem 38 anos e um cartel com 19 lutas, 16 vitórias (11 nocautes e 5 por decisão) e 3 derrotas (1 nocaute, 1 finalização e 1 por decisão). Nas últimas 14 lutas perdeu apenas uma, engrenando já 5 vitórias consecutivas desde esse último revés.

Categorias
LutasMMA Internacional

Pai, marido, neto, amante da família; filho de Deus; Graduando em Comunicação Social (Rádio e TV) na Universidade Federal do Maranhão; Editor chefe do Nocaute na Rede,; Redator nas seções de MMA nacional e internacional; Apaixonado por rádios, jornais, livros, podcasts, filmes, séries, comidas, esportes em geral; MMA é uma paixão absurda; Praticante de MMA e muay thai; Crítico Social
Sem Comentários

Responder

*

*

5 × três =

RELACIONADO POR