Rei da Selva 9 promete fazer Manaus tremer | Nocaute na Rede

Rei da Selva 9 promete fazer Manaus tremer

Grandes combates são esperados no Rei da Selva Combat, evento de MMA que mais cresce em credibilidade e visibilidade na Região Norte do Brasil. A nona edição da organização...

(Foto: Emanuel Mendes Siqueira)

Grandes combates são esperados no Rei da Selva Combat, evento de MMA que mais cresce em credibilidade e visibilidade na Região Norte do Brasil. A nona edição da organização acontece dia 15 de julho, a partir das 20h, no auditório Nina Lins, na Universidade Nilton Lins – Parque das Laranjeiras, Zona Norte de Manaus.

A assinatura dos contratos aconteceu na tarde desta quarta-feira, no auditório Nina Lins, com a presença dos lutadores e dos organizadores. Segundo os dirigentes do Rei da Selva, Diogo Dutra e Sammy Dias, a nona edição prevê 12 combates.

“Além de termos alguns dos melhores lutadores do Amazonas no card, o Rei da Selva 9 tem duas disputas de título no peso palha feminino e masculino e também a presença de dois atletas de São Paulo para desafios contra interestaduais, que é uma tradição no nosso evento”, destacou Diogo Dutra.

Um dos confrontos mais esperados reunirá Allan Ferreira (MPBJJ/Nova União) e Sidney Lima (Team Cardoso), valendo pelo peso combinado até 68 kg. É o confronto de uma lenda do wrestling amazonense e brasileiro contra um atleta treinado pelo conceituado técnico Júnior Cardoso.

“Estou super animado por essa luta, pois era uma luta que o pessoal já queria casar faz muito tempo e, por motivos pessoais, eu vinha adiando. Hoje, a convite do Sammy e o Diogo, mais uma vez eu vou lutar o Rei da Selva, um grande evento aqui em Manaus, e se preparem que vai ser um grande retorno. Depois um ano, estou voltando com força total”, disse Allan, que tem um currículo com 13 combates, sendo nove vitórias, duas derrotas e um empate.

Em alta na carreira, Sidney Lima é um dos fenômenos de público nos eventos de MMA no Amazonas. Ele também comentou sobre a batalha que terá pela frente no dia 15 de julho.

“Creio que vai ser uma grande luta contra o Allan Ferreira, que é um grande atleta. Estamos treinando duro e firme para esse combate, eu e minha equipe Team Cardoso. Vamos chegar com tudo nesse grande evento e vai ser um sucesso esse Rei da Selva”, concluiu.

 Card:

 Até 52 kg – vale cinturão – Andreia Cerdeira (Team Cardoso) x Rosana Vasconcelos (Pesadão)
Até 52 kg – vale cinturão – Manoel Júnior (Eulen Viana) x Matheus da Silva
Até 70 kg – Michel Sassarito (SD System/Checkmat) x adversário a definir
Até 57 kg – Luiz Guerreiro (Império CT/MPBJJ) x Cássio Vinícius (CT Celson Thai/SP)
Até 68 kg (combinado) – Allan Ferreira (MPBJJ/Nova União) x Sidney Lima (Team Cardoso)
Até 70 kg – Leo “Do Bronx” Pimentel (X-Fight/SD System) x Ronacy Cowboy (CTO)
Até 66 kg – Thales Morais (Ducks Team/Deo Academy) x Helderson Filhão (N.U. Fighter Clube/EnerGym Fitness)
Até 70 kg – Moisés Costa (SD System/Checkmat) x Valmir Júnior (Team X-Union/CT Brunocilla)
Até 52 kg – Weslen Augusto (The Pride) x Jardel Brito (Pesadão)
Até 57 kg – Geraldo Nogueira (SD System/Checkmat) x Paulo Ricardo (CTO)
Até 57 kg – Murilo dos Reis (Kratos Top Team) x Thiago Castro (Império CT)
Até 66 kg – Lucas Talent (SD System/Checkmat) x Celso Bezerra (CT Celson Thai-SP)

IBlackbelt
Categorias
LutasMMA Nacional

Pai do Marco Antônio, Praticante de muay thai e MMA, Graduando em radialismo, Editor chefe do Nocaute na Rede, Redator nas seções de MMA nacional e internacional, Instrutor de Trânsito.
Sem Comentários

Responder

*

*

RELACIONADO POR