Cody Garbrandt divide seu cinturão com garoto que venceu a leucemia.

Promessa é dívida! Cody Garbrandt divide seu cinturão com criança que venceu o câncer.

Conheça uma faceta humana, amorosa e leal do campeão dos galos do UFC Cody Garbrandt e de uma promessa cumprida à um garoto que sofria de leucemia.
(Foto: MMA Junkie)

O campeão dos pesos-galos do UFC Cody “No Love” Garbrandt não deu show apenas no octógono. O gesto do novo rei dos galos ao garoto Maddux Maple repercutiu no mundo inteiro e mostrou uma faceta caridosa, leal e humana do campeão.

Cody, com 18 anos, ainda era um atleta amador que tinha grandes sonhos, mas era vítima de seu próprio comportamento brigão e violento… Em seu caminho, o garoto Maddux Maple entra em cena. O garoto já lutava por sua breve existência desde os cinco anos de idade, quando foi diagnosticado com leucemia. A história comoveu Garbrandt que prometia acompanhar toda a luta de Maddux e vencer na vida, junto com ele.

“Eu vou vencer o câncer, Cody…” – Dizia o jovem Maddux.

“Claro que vai vencer, meu amigo. Eu ainda chegarei ao UFC e te levarei em todas as minhas lutas.” – Respondeu Cody.

Mas o que poderia parecer uma promessa vazia, apenas palavras de conforto, acabou tornando-se uma história de amizade, luta, lealdade e esperança para a vida de ambos. Os caminhos de ambos poderiam ter tomado rumos diferentes, Maddux poderia não vencer a batalha contra a doença e Cody poderia não tornar-se o lutador vencedor que é hoje…

Promessa é dívida. Em gesto de lealdade, amizade e gratidão, Cody Garbrandt veste Maddux Maple com seu cinturão dos pesos galos do UFC, vencido no UFC 207 após derrotar Dominick Cruz.  (Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

Promessa é dívida. Em gesto de lealdade, amizade e gratidão, Cody Garbrandt veste Maddux Maple com seu cinturão dos pesos galos do UFC, vencido no UFC 207 após derrotar Dominick Cruz. (Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

Mas a força da amizade uniu os dois propósitos. O garoto continuava sua batalha enquanto Cody tinha a chance de estrear no UFC, em Janeiro de 2015, contra Marcus Brimage. Cody cumpriu parte da promessa e caminhou com o jovem Maddux até o evento e dedicou sua vitória a ele. Em seu segundo combate, em Julho de 2015, Garbrandt venceu Henry Briones e recebeu a notícia de que Maddux havia VENCIDO sua batalha contra o câncer e novamente dedicou seu triunfo a ele.

A amizade se estreitou, a promessa manteve-se em todos os duelos de Cody pelo UFC e quando finalmente “No Love” conseguiu sua chance ao cinturão, deu um show. O ex-campeão Dominick Cruz teve um gosto de seu próprio veneno, foi surpreendido por movimentação e boxe precisos e irretocáveis de Garbrandt e, após performance impecável de Cody, perdeu seu cinturão pelo UFC 207 no dia 30 de Dezembro.

A promessa foi enfim, cumprida. Cody trouxe o garoto Maddux ao cage e o presenteou com seu cinturão, envolvendo o valioso item pela cintura do garoto, hoje com 10 anos. Um gesto de amizade e gratidão, dividido por dois campeões… Apesar do apelido “No Love” (Sem Amor), Cody mostrou que existe sim, muito amor em seu coração e sua vida. Sobre sua jornada até então, Cody diz dever todo seu sucesso e seu foco ao otimismo e força de Maddux:

“Olhe para nós agora, caminhando em direção ao octógono do UFC… Ele não podia nem andar há um ano e meio. Ele está muito empolgado em relação a andar. Nos falamos quase todos os dias, e apenas ser capaz de dividir este momento com ele é algo pelo qual serei grato ao UFC, por permitir esta oportunidade e deixar que este garoto realize um sonho.

Ele não sabe o quanto mudou minha vida e o quanto me ajudou. Nos ajudamos a chegar onde estamos agora. Ele está em remissão e eu estou no UFC, e isso é algo que prometemos um ao outro. Ser capaz de conquistar isso e cumprir estas promessas é algo a que sou grato todos os dias. Vivemos esta jornada juntos”

(Cody Garbrandt sobre sua jornada ao lado do garoto Maddux)

Categorias
EspeciaisLutasMMAMMA InternacionalUFC

Paulistano, São Paulino, baterista, perito em TI, fanático por lutas e viciado em games. Colunista e redator Nocaute Na Rede.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    4 × 5 =

    RELACIONADO POR