A última luta de California Kid

No próximo sábado, Urijah Faber encerrará sua vida profissional no MMA.
(Foto: Reprodução)

Em tom nostálgico iniciamos esta matéria, afinal não é todo dia que alguém tão importante para o MMA se despede do mundo das lutas.

(Foto: MMA Fighting)

(Foto: MMA Fighting)

Faber inciou sua vida de lutador estreando em 2003 no Gladiator Challenge, evento americano de MMA. Em apenas dois anos, Urijah garantiu oito vitórias e só conheceu a derrota ao enfrentar Tyson Griffin, em setembro de 2005. No entanto, nos três anos subsequentes não houveram mais derrotas e o americano emplacou um cartel com 21 vitórias e apenas 1 revés. Se tornou campeão do WEC, defendeu a cinta cinco vezes e só perdeu o título em novembro de 2008 para Mike Brown. Chegou a lutar pelo cinturão ainda duas vezes e em 2011 foi contratado pelo UFC.



Estreou no maior evento de MMA do mundo, no UFC 128, com vitória sobre Eddie Wineland. Na sequência, mais uma disputa de cinturão, dessa vez pelos pesos galos, contra Dominick Cruz. Apesar de não voltar a ser campeão, esta não foi sua última disputa de título, vieram mais três, duas contra Renan Barão e mais uma contra Cruz.

Faber hoje tem 31 vitórias e 10 derrotas, espera vencer sua última luta pelo Ultimate contra Brad Pickett e se garantir na história da franquia, mas para seus fãs ele já está mais que garantido.



IBlackbelt
Categorias
Lutas

Mineiro de Ubá, praticante de caratê, e formado em Produção Multimídia. Fã de MMA desde 2005, editor da galeria dos Campeões do UFC e redator de MMA Internacional.
    Sem Comentários

    Responder

    *

    *

    sete + 8 =

    RELACIONADO POR